//Pulgas na piscina biológica

Pulgas na piscina biológica

Conhecem as pulgas-de-água? Sabem que vivem nas piscinas biológicas? Mas nunca ninguém foi picado porque estes pequenos crustáceos aquáticos não têm órgão para picar.

Existem cerca de 650 espécies descritas no Mundo e a grande maioria tem tamanhos entre 0,2 e 6 mm. Vivem especialmente em habitats de água doce e ocupam em enormes números a coluna de água. Como o corpo deles é quase transparente, mesmo na água muito transparente são difíceis de detetar.

E são eles próprios responsáveis para que a água fica tão transparente. Através das suas antenas procuram alimento e nesta forma limpam constantemente a água. Cada indivíduo pode filtrar cerca de 30 mililitros por dia. Parece pouco, mas 1.000 exemplares já limpam 30 litros por dia. E por metro cúbico vivem cerca de 6.000 indivíduos (valor detetado em piscinas biológicas de uso público na Alemanha). Ou seja, estimamos que numa piscina biológica de tamanho médio podem viver cerca de 1.2 milhões! O que é de especial importância, muitas espécies de pulgas-de-água alimentam-se de bactérias. Por exemplo da espécie Daphnia magna se sabe que diariamente pode ingerir até 5,6 milhões de células da bactéria Escherichia coli.

Estamos tão felizes tomar banho junto com milhares de pulgas-de-água porque trabalham como uma verdadeira polícia de higiene.

2019-06-01T17:08:38+01:00